17.2.09

Dia 17, já?!

O tempo está voando, e eu não consigo entrar aqui para postar, tampouco ler os comentários.
O tempo está voando, voando, voando.

Marido viajou de novo, agora está quatro fusos para a frente. Ficamos eu e Mathilde, num grude só, mas nem posso me queixar, que essa nossa rotinazinha a dois (a duas?) é muito gostosa - pegá-la na escolinha, vir pra casa, comer, tomar banho juntas, brincar, ouvir música, dançar, dormir.

Ela estreou no carnaval no domingo, num bloco em Laranjeiras. Dançou à beça, rebolou que só ela. Uma globeleza, praticamente.

Eu tenho ido de bicicleta pro trabalho, e estou adorando. São 5 minutos, nem dá pra cansar. Então me sinto assim, uma européia, pedalando de roupinha social. Mas acreditam que não me deixam parar na garagem do prédio? Isso porque é um prédio comercial de centenas de salas e 3 andares de garagem, e alegam não ter espaço para bicicletas. Pode uma coisa dessas? É como eu digo ao meu chefe quando ele fica imprimindo uma porção de arquivos que poderiam muito bem ser lidos na tela do computador: O NoImpactMan vai puxar o seu pé à noite... Enfim, seria legal se tivesse uma lei municipal, algo assim, que obrigasse prédios comerciais a destinar X% do nº de vagas de carros para bicicletas, não? Fica a sugestão para os meus leitores legisladores (ha).

Fora isso, meus insanos compromissos profissionais assumidos antes do novo emprego continuam com a corda toda. A jornada tripla é uma realidade, mas pelo menos são coisas bacanas. Livros, discos, shows. Hmmm hmmmm.

5 comentários:

Isabella disse...

Que bacana pedalar pro trabalho!!

Eu tambem adoro esta rotina com as criancas. A vida simples e tao boa...

Beijos,

alenacairo disse...

Pedalar para o trabalho e tomar banho com a sua mini globeleza! Uh-lá-lá! Isso é que é vida.

Maria Angélica disse...

Menina, eu acho que vi a Matilde lá no bloco, acredita? No seu colo. Bem, imagino que era você.

Anônimo disse...

Bom carnaval para as duas e um beijo na fofa!
clara lopez

anna v. disse...

pois é, estou com polyana-mode on.
Angélica, é mesmo?! Que bacana. Sim, só podia ser eu segurando ela no colo. Ela estava com um conjuntinho florido.
Beijos