28.12.09

Já voltei há tempos...

... mas meu computador ficou de beicinho com os 10 dias de abandono, e não liga mais. E ainda não consegui um técnico que venha aqui ver. Por isso não atualizei mais por aqui (no trabalho não rola; estou no computador marital agora). Ah é: não tem recesso de fim de ano no silviço. Continuo trabalhando, e portanto mandando emails para os agentes e editoras mundo afora, e estou fazendo a maior coleção de Out-of-Office-auto-replies da história.

A viagem foi ótima, Estrasburgo é uma graça, e os famosos mercados de natal são mesmo um monte de barraquinhas com bugigangas -- mas bugigangas de Estrasburgo, bem entendido. Além disso, lá nós patinamos no gelo em plena rua, e fomos no restaurante mais fantástico: La Cloche à Fromage, um restaurante só de queijos. Isso mesmo. Os pratos são viagens gastronômicas pelo universo queijando, 16 ou 17 pedacinhos de queijos diferentes para degustar. Tem fondue e raclette, que comemos também. Como diz marido, é tipo show. Até compramos uns queijos na lojinha do restaurante, que embalava a vácuo, e conseguimos trazer na mala.
Falar em mala, voltamos a tempo: no dia em que começou a nevar, e de lá pra cá, pelo que leio na imprensa, a coisa só piorou. O voo, aliás, foi um pesadelo. É um voo diurno da Air France, sai de lá de manhã, chega aqui à noite. E por conta da neve, atrasou 4 horas. Para resumir, de porta a porta foram 22 horas dedicadas à viagem. E com turbulência o tempo todo -- tempo este que não passava: vi uns 4 filmes (televisãozinha individual, yay!), todos meia-bomba, li livro, dormi, e nunca que chegava.
Mas finalmente chegamos, e Mathilde ficou toda feliz quando nos viu (porque no fundo rolava aquele medinho que ela fosse nos dar um gelo). Desde então tem estado, quase sempre, no maior bom humor da história. E até quando está meio mal humorada está fofa.
Eu é que ando lesada. Nos últimos 7 dias esqueci uma consulta de dentista (apesar de ter confirmado por telefone na véspera), no dia seguinte esqueci de ligar para me desculpar e marcar outra, esqueci minha bicicleta na garagem do trabalho (fui de bike, voltei a pé, e só percebi no dia seguinte, que já era Natal), e por fim troquei o dia da consulta da pediatra (era hoje e eu achei que era amanhã; ou seja: perdemos).
O Natal foi mega cansativo, e a perspectiva do réveillon (em Mauá, com crianças diversas) não inclui lá muito descanso mesmo. Mas tudo bem. Chato mesmo é que juntando França com Natal, preciso agora fazer uma dieta daquelas, como há tempos não faço. Quem sabe até mesmo voltar às reuniões do Vigilantes. Janeiro está aí pra isso mesmo.
Janeiro aliás, é aniversário de Mathilde. Dois anos, pra você que não se lembra. Jacaré vai fazer festinha? Nem eu...

4 comentários:

Clara Lopez disse...

Anna, parece que a volta foi bem na hora mesmo, e cansativa, mas acho que vale o trabalhão, assim que passar o desconforto com o fuso horário vc só terá as lembranças boas, espero. Depois quando der coloca algumas fotinhas de lá, vou gostar de ver. Eu tenho planos de ir a parir no ano que vem, mas não sei bem se aguento essas horas todas dentro de um avião, estou pensando ainda, mas com vontade.

Bom que mathilde não estranhou vocês, deve ter tido muitas saudades, e já está com dois anos, quem diria, conhecemos na sua barriga...:)

um beijo, anna, seja bem vinda, e bom descanso no final do ano :)
clara

Anunciação disse...

Só dando uma descansada básica pra voltar a raciocinar direito.Beijos mil em Mathilde.Feliz 2010 para ti e teus amores.

Cam Seslaf disse...

Mas jacaré não vai ter postinho não? Parabéns atrasado, meninoca!

Clara Lopez disse...

Oh, preguiça de escrever...::)) Vamos lá, aninha, ânimo :)
abração, miss you,
clara