30.6.06

Consumidor vítima


Coisas que me deixam num estado de irritação: quero comprar uma escova de dentes. Vou à farmácia, tem uma centena e meia de opções de marcas e modelos. Acontece que não gosto de escovas de cerdas macias. Gosto de cerdas médias ou duras. Repare: existem pelo menos três gradações -- macias, médias, duras. Mas é sempre assim, todas as 15o opções disponíveis são com cerdas macias. Sempre.
Outra: quero comprar uma calça jeans. Mas não curto a moda da cintura baixa (que aliás, hein, quantos anos já está durando?!), porque acho que a barriga, por menorzinha que seja, fica pulando por cima da calça -- a menos que você seja de fato uma tábua, que não é o meu caso. Ou então fica um "vácuo" estranho nas costas, um buraco pelo qual se vê a calcinha. Entro nas lojas e já pergunto:
-- tem alguma calça jeans com mais de 5 centímetros de zíper?
-- ... (Cara de ponto de interrogação)
-- é, querida, que não seja cintura baixa, sabe? que eu possa fechar o zíper por mais de meio segundo.
-- ah, claro, tem essa aqui.
-- mas essa só tem uns 4cm de zíper, é cintura baixíssima.
-- ahn...
E é sempre assim. O que me deixa duas opções: comprar calça jeans em lojas de senhoras, ou ficar com as minhas calças de muitos anos atrás.
Fashion victim, never!

2 comentários:

Alena disse...

Anna, que diacho este tal de consumismo! Droga total... e a variedade do mercado na verdade se traduz em igualdade de produtos e variedade de marcas. Muitas vezes, sem qualidade e imitações. Para quem não puder pagar o preço do marca Y, se sentir próximo comprando a marca y/1000... Ai, ai. Adorei o post! Quanto à calça , me irrito quando não acho também a cintura mais alta ou quando a vendedora me considera uma piriguete - risos - e me oferece aquela que tem 0,005 de zíper. Um conselho, entre na Levi's e peça repetindo enfaticamente a palavra tradicional umas três vezes senão a ficha da vendedora não cai. Insista se ela não souber o que é tradicional e peça ajuda a outro vendedor. Pela idade, geralmente o tradicional para ela é a tal da sem cós e baixíssima. Tenho umas calças ótimas de lá que ficam abaixo 1cm ou 2 do umbigo, apenas. Sem deixar a bunda de fora (acho horrível isso)

anna v. disse...

Vou tentar! Valeu pela dica. Beijos