16.1.10

Sim, o mundo dos blogs

Ter um blogue anônimo tem dessas coisas. Quando encontro pessoalmente outras pessoas que conheci via blogue, é como se estivesse numa espécie de universo paralelo, sem as demais referências da minha vida cotidiana. Tipo, as pessoas me chamam de Anna. E me perguntam: "E Mathilde?". Nhé.
Mas é sempre bom. E hoje foi especial. A lôra lôca convocou, e fomos todos conhecer a feminista. Que é, vocês sabem, uma espécie de celebridade. Porque não é qualquer um que consegue escrever com tanta verve sobre os assuntos mais áridos (ou menos áridos, pra ela tanto faz). Verve, estilo e convicção. Coisa para poucos. Não tentem fazer isso em casa, crianças (melhor: tentem, sim). E estavam lá as sócias (sim, as duas!), e uma maravilhosa dupla arquitetônica que só hoje tive o prazer de conhecer. E a Cris, cujo blog no momento me escapa...
E entre muitos chopps, sardinhas e alheiras (!), falamos de tudo, porque a verdade é que nos conhecemos há tanto tempo, e de um modo tão particular. No fundo sempre rola a surpresa de saber que as pessoas estão lendo o que escrevemos -- mesmo que o formato blogue esteja superado, mesmo que você não escreva quase nunca, mesmo que ninguém comente. É o mundo dos blogs, como gosta dizer aqui o marido. E nesse mundo a gente bebe, ri muito, conversa e discute com paixão, mesmo aquele rosto sendo uma inteira novidade -- a voz (no sentido lato) é uma velha conhecida. E nesse mundo a gente volta pra casa com vontade de escrever, mesmo já sendo uma da manhã, com sono e muita coisa por fazer. Blogs, melhor não tê-los... Mas se não os temos, como sabê-lo?

7 comentários:

Angela F. disse...

hahahahaha, amey o lora lôca :-D

Aquela disse...

A gente corre pra reafirmar nossa condição fazendo o básico, postando.
Ou lendo-nos, hohoho!

Clara Lopez disse...

A cris talvez seja a do quitanda.wordpress, não sei.
A festa parece que foi ótima, que bom :) Não conheço esses blogues, mas concordo que esse meio está um tanto desgastado, sempre penso em parar mas acabo voltando a escrever, mas só faço mesmo blogue, não estou em mais nenhum outro 'itter' por falta de paciência.
um abraço,
clara

ps. ler certos blogues acaba se tornando um vício, como ter o próprio, acho.

Ana Paula disse...

Pois eu adorei te conhecer! Foi ótimo mesmo, e a Mary é tudo de bom, puxa!
Grande beijo

Paula Clarice disse...

Anna V., eu acabei de ler (e comentar) lá no blog da Ana Paula que fiquei surpresa ao ler que ela te conheceu. Eu sou amiga dela faz tempão e sempre te leio aqui. Não lembro de já ter comentado no teu blog. Bem, já que temos a Ana Paula em comum, né, vou me apresentar. Muito prazer, Paula Clarice :o)

Um beijo

anna v. disse...

Paula, obrigada pelo comentário. Adorei conhecer a Ana Paula, que tremendo blogue interessante o dela, e diferente desses como o meu, que são só diarinhos disfarçados.

rafael disse...

muito legal mesmo!!!