28.5.08

Frases que se tornaram comuns no meu dia-a-dia

- Não é ele, é ela. Sim, sim, é menina.
- Olha o neném, filha! Oi, amiguinho/a! Tchau, neném!
- Não. Não! AI! Não pode puxar o cabelo da mamãe!!
- Fome de novo? Já??!!
- Vamos dar bom-dia aos passarinhos? [anda até a janela] Bom dia, passarinhos!
- E 1, e 2, e 3, e... jáááá! [e coloca na banheirinha]
- Vem com a mamãe!
- Vai com o papai!
- Vai com a vovó!
- Vai com o titio!
.

9 comentários:

Maria Angélica disse...

"não é ele, é ela" deve ter sido a frase que eu mais falei em público no primeiro ano de vida da Joana...
Matilde não tem orelha furada?
(a Joana não tem, e também praticamente não tinha cabelo... agora imagine.)
beijos

Angelina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Angelina disse...

Nossa, eu também falava muito isso e minha filha não tinha orelha furada (e não tem até hj com 6 anos).
E ainda tinha uma que era pior: "Nossa! Mas parece uma criança cuidando da outra!" (eu tinha 15 anos quando tive minha filha).
Mas depois dos 3 meses pararam de perguntar.
Sua Mathilde é uma fofa e eu adoro ler seu blog. Fico triste quando não tem post novo...rs
Beijo.

Anônimo disse...

Ela como sempre lindíssima, com essas bochechas fofas:)
um abraço e tudo de bom,
clara lopez

Anunciação disse...

Mas tem gente sem noção que,mesmo com o brinquinho,chamava a Amandinha de ele.Nossa,é impressão minha ou estou meio mal humorada hoje?Um beijo em você e em Mathilde.

Cam Seslaf disse...

Movimento das Sem Brinco, né? Vamos fundar.
Essa de não puxar o cabelo também está no topo da minha lista, como o bom dia pros passarinhos (ah, fiquei até emotiva com essa).

Isabella disse...

Lembrei-me de uma que eu detestava: quando eu ia ao supermercado com a bebe no canguru e a mocinha do caixa pegava na mao dela com aquela mao fedida de dinheiro. =(

Mathilde, que bochechas!!!

Maria Angélica disse...

Como membro do Movimento das Sem Brinco, tenho que contar uma coisa. Minha filha não tem 2 anos ainda e já tá estranhando não usar brinco... e olha que eu quase não uso! Mas ela vê as outras meninas, e adora brincar com os brincos do pai também... e pergunta "cadê meu binco? não tem, mamãe?". Fica passando a mão na orelhinha e falando: "não tem binco, não tem". Eu não estava preparada pra isso tão cedo, não mesmo. 1 ano e 10 meses.

Deh disse...

hohohoho, quaaanta fofura! Ela tá muito linda! :)
Aqui a gente tem a primeira frase depois de sair do berço: "Vamos abrir janela, falar bom dia? Bom dia, diaaaaaaaaa!!". Ah, e tem também o importantíssimo "Gatinhôôô!! Gatinhaaaaaa...", que é respondido com gritinhos de felicidade.
Beijo!