28.11.06

Serviço de utilidade pública - parte I

Os prefixos e o hífen

Prefixos e elementos de composição que precisam separar-se pelo hífen somente diante de certas letras

1º grupo (11)
6 terminados em -a: contra-, extra-, infra-, intra-, supra-, ultra-;
4 terminados em -o: auto-, neo-, proto-, pseudo-;
1 terminado em -i: semi-.
Regra: Pedem o hífen quando seguidos de vogal, h, r e s.
Exemplos: contra-indicado, contra-revolução, contra-senso; extra-escolar, extra-humano, extra-oficial, extra-regimental; infra-estrutura, infra-som; intra-hepático, intra-ocular; supra-renal, supra-sumo; ultra-rápido, ultra-som; auto-análise, auto-retrato, auto-suficiente; neo-helenismo, neo-realista; proto-árico, proto-histórico; pseudo-etimologia, pseudo-herói, pseudo-sábio; semi-árido, semi-inconsciente, semi-reta, semi-selvagem.

Como exceção à regra, as "Instruções" do Vocabulário citam a palavra extraordinário, "que já está consagrada pelo uso".

Nas demais circunstâncias, não se emprega o hífen: autobiografia, autocrítica, autodidata, autolotação; contragolpe, contratorpedeiro, contraveneno; extrafino, extralingüístico, extraterritorial; infracitado, infravermelho; intracraniano, intramuros, intravenoso; neoclássico, neocriticismo, neogramático, neolatino, neotomismo; protomártir, protovértebra; pseudociência, pseudoprofeta; semibárbaro, semimorto; supracitado, supramencionado; ultraconservador, ultracorreção, ultravioleta.

Fonte: KURY, Adriano da Gama. Para falar e escrever melhor o português. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1989.

(Continua)

(Porque eu acredito, sim, que copiar ajuda a memorizar.)

6 comentários:

Maria Fabriani disse...

ótimo! vivo com dúvidas nisso. e vivo comentendo erros horrendos. valeu!

osvjor disse...

essa nem o superomem decora!

Alena disse...

E como!!

Fezoca disse...

acho que preciso copiar tambem... ;-)
beijos,

Carrie, a Estranha disse...

Craro q copiar ajuda!
Muito bom.

anna v. disse...

Eu vivo com esse livrinho na mão. Na dúvida, vou lá e olho. Minha técnica é ter certeza de um caso e a partir dele generalizar. Por ex., sei que antiimperialismo é sem hífen. Então todos os anti+vogal também serão. E por aí vai.