27.7.06

Mais uma da vovó

Outra história da vovó figura.
Mais de dez anos atrás. Depois de uns 25 anos de casamento, meu tio S se separa e arranja uma nova namorada, F. Passado um tempo, vai apresentar a namorada à mãe (minha vó). Finalmente ocorre o encontro, num domingo à tarde, um lanche, aquela coisa. F (que está com meu tio até hoje) vai, totalmente tensa, com medo da reação da matriarca da família àquela "intrusa". Minha avó já velhinha, cabeça branca, magrinha e muito firmezinha com suas características sandálias de salto anabela. Num determinado momento, minha vó diz à nervosa pretendente do meu tio:
-- Você gosta de mágica? Vou fazer uma mágica pra você.
Imaginem a reação da pobre, sem saber o que fazer.
-- Ahn... claro, está bem.
-- Você vai pensar em um número de telefone, e eu vou adivinhar qual é.
Onde fui me meter, pensa a coitada. Será que essa velhinha é totalmente louca?
-- Tá bom, já pensei num número de telefone.
-- Agora vou adivinhar (faz cara de muita concentração). O número é 254-8638?
F se viu numa sinuca. Claro que o número não era aquele. Deveria dizer a verdade ou mentir, dizendo que a vovó acertara, para fazê-la feliz? Depois de uma tensa fração de segundo na dúvida, resolveu-se pela verdade.
-- Não... não é esse o número...
Vovó (com a carinha marota):
-- Desculpe, foi engano! (pausa) Hahahahaha!

Não é uma forma genial de quebrar o gelo?

3 comentários:

Fezoca disse...

Ha Ha Ha Ha! To chorando de rir aqui!!
Que pessoa FOFA e ESPIRITUOSA a sua avoh!
beijao,

Bela Caleidoscopica disse...

hauhauhauhauha
Muito boa!
Essa sua avó é uma coooisa!
beijos pra ela e vc!

anna v. disse...

Muito fofa mesmo. Mas mandar beijos pra ela, hoje, só em pensamento...